Como Vender Bem na Páscoa?

Por Pati Abbondanza

Ganhar dinheiro fazendo e vendendo doces é comigo mesmo! Lembro que antes de ter o meu primeiro emprego de verdade, queria fazer uma viagem com as minhas amigas e resolvi vender panetones no Natal. Pois consegui pagar a viagem e ainda sobrou pra comprar muitos presentes. A partir daí me organizei melhor e passei a oferecer meus produtos em todas as datas especiais. Mas naquela época não existiam as redes sociais, que podem ser uma grande ferramenta de venda!

(Claro que antes de mais nada, você tem que ter um bom produto!)

Vou compartilhar com vocês meus aprendizados da fase de doceira somado ao meu conhecimento sobre redes sociais. Então, vamos as principais dicas que você aproveitar ainda nessa páscoa?

Os principais canais:

1. Boca a boca:
Básico, não tem nenhum segredo, mas muita gente acaba esquecendo de vender para quem está próximo. Espalhe para a família e amigos.
Se você mora em prédio ou condomínio, divulgue para os moradores {Afinal, olha que facilidade comprar ovo do vizinho? Nem precisa sair de casa}.

2. Divulgar em lugares estratégicos:
Salão de cabeleireiro de bairro é uma ótima opção. Mas você também pode ter amigos que têm lojas ou outros estabelecimentos que tenham afinidade com o tema!
Quando eu fazia doces um dos canais que mais me rendiam clientes era a escola de pintura que a minha mãe frequentava. Eu presenteava a dona para ela conhecer meus produtos e ela deixava meus “panfletinhos” por lá.

3. Grupos de WhatsApp:
Tenha critério na hora de escolher os grupos que podem se beneficiar com a sua oferta. Grupo das mães da escola, grupo de amigos e grupo de trabalho podem ser boas pedidas.

4. Redes sociais:
Essa talvez seja a sua principal ferramenta, se você já tem perfis nas redes sociais.

5. Instagram:
A mais eficiente {sem ter que fazer investimento} é o Instagram. É importante você pensar em um calendário de postagens que se intensifique 10 dias antes da páscoa {quando as pessoas, de fato, começam a comprar}. Use posts {evite mais de 2 por dia}.
Invista principalmente no stories {aqui você pode aumentar o volume de posts}.
Escolha um post que tenha uma foto boa para patrocinar {assim você alcança muito mais gente}.
Importante: em cada post deixe o seu contato disponível de maneira fácil {email, WhatsApp ou telefone} e também peça para os interessados deixarem seus emails. Essa é uma boa maneira de você ir construindo ou engordando seu mailing.

6. Facebook:
Vale a pena investir caso seja seu perfil pessoal {que tem um alcance orgânico maior}. Se o seu perfil for business, vale você fazer um anúncio patrocinado. O próprio facebook te ajuda a criar esses formatos. O importante é você acertar em cheio na hora de segmentar a audiência {Ex: use geolocalização, porque as pessoas costumam fazer compras de páscoa na região onde moram ou trabalham}.
O que pode funcionar muito bem também é divulgar em grupos que você participe {ex: grupos de mães, grupos de dicas, etc}, e que esse tipo de conteúdo seja permitido por lá.

7. Newsletter:
Se você já tem um mailing pronto, ótimo! Crie um conteúdo que divulgue bem os seus produtos e dispare para a sua base de emails. Você pode engordar seu mailing com os emails dos interessados nas redes sociais.
Se você tiver poucos contatos pode disparar direto do seu email, mas conforme a base for crescendo, vale pensar em ferramentas de disparo {ex: MailChimp ou Nitronews}.

As ferramentas:
1. Boas fotos:
– “Comemos com os olhos”, “A primeira impressão é a que fica”. Esses dois ditados populares já dizem tudo!
– Investir em boas fotos é fundamental para você atrair mais interessados.
– Dicas: fotografe com uma boa câmera {alguns smartphones têm ótimas}, evite fundos brilhantes como mármore, capriche na produção, use luz natural {vá perto de uma janela}.
– Se tiver dificuldade em pensar nas fotos, pesquise quem já faz um bom trabalho para se inspirar {não copie, tem que ter a sua cara}.

2. Comunicação:
– Crie textos leves e criativos.
– Descreva seus produtos com o objetivo de seduzir {dar água na boca!} do seu público.
– Evite o “ligue já” {comunicação muito vendedora e impositiva}.
– Para você deixar tudo visualmente lindo, indico uma ferramenta chamada Canva: https://www.canva.com/pt_br/

3. Material impresso:
– Sabemos que o mundo é cada vez mais online e que o custo geralmente compensa, mas exatamente por estar muito digital que você tem a oportunidade de impactar mais fazendo algo impresso.
– Para isso é importante criar em um material simples e bonito, que comunique com eficiência e seja esteticamente sedutor.
– Mas atenção, esse item só vale a pena se você tiver bons lugares onde distribuir.

Bom, é isso! Espero ter ajudado.

Aqui uma lista de conteúdos que também podem ser interessantes para você:
FOODLAB {nosso curso para empreendedores da área de gastronomia}.
– Nossa planilha de precificação, caso você precise de ajuda para acertar a mão na hora de cobrar.
– Todas as receitas que criamos para o nosso especial Páscoa Fora do Ovo.

Por: Pati Abbondanza

Fundadora e editora da Dedo de Moça, a Pati é cozinheira por paixão e jornalista por formação. Se especializou em conteúdo de culinária e atua como consultora de diversas marcas do segmento. Passou por um processo de aceleração na Food-X, principal aceleradora de startups de gastronomia do mundo, que fica em NYC, e trouxe na bagagem muito conhecimento empreendedor {que não vale tanto quanto os 10 anos empreendendo na vida real}.